Make your own free website on Tripod.com
Bandeira do Brasil



 
   A bandeira do Brasil tem um desenho único e exclusivo, que a diferencia das outras. Ela foi criada por Jean-Baptiste Debret, pintor francês e fundador da nossa Academia de Belas Artes. Ele se inspirou em algumas bandeiras militares de seu país, utilizadas no tempo da Grande Revolução e durante a época de Napoleão, das quais ele reproduziu o modelo ornamental em estilo imperial, que consiste em um losango, inscrito num retângulo.
   Após a Proclamação da República no Brasil (15 de novembro de 1889), a bandeira original sofreu uma modificação sutil no seu desenho essencial: as Armas do Império, ao centro, foram substituídas pela esfera celeste republicana, indicando a mudança do regime. Esta última modificação foi feita em 19 de novembro de 1889 e a bandeira continua assim até hoje.
   Consideram-se as cores nacionais principais o verde e o amarelo. O verde simboliza nossas vastas florestas e a natureza pródiga. O amarelo em losango simboliza as abundantes riquezas minerais, a presença do sol dourado da vida e o símbolo de poder e autoridade.
O azul é o céu resplandecente de estrelas que iluminam, as mesmas estrelas do céu  da Proclamação da República, luzes da democracia, cidadania, ordem, progresso, respeito e soberania. O branco é a paz que nós apreciamos e significa nosso permanente desejo  pela concórdia e a disposição à coabitação pacífica.
   As constelações presentes na bandeira correspondem ao céu da cidade do Rio de Janeiro, às 8.30 horas de 15 de novembro de 1889 (12 horas siderais), visto por um observador fora da esfera  celeste (por isto vemos o Cruzeiro do Sul invertido). Cada estrela representa uma unidade da Federação (estado).


Fonte: site do Exército Brasileiro


   Página anterior

   Página principal